top of page

Metrologia Forense


Metrologia Forense: Inmetro tem dois projetos aprovados pela Faperj

Edital busca estimular programas de inovação que contribuam para a Segurança Pública


Dois projetos do Inmetro foram selecionados pelo programa Apoio a Projetos de Inovação no Campo da Segurança Pública – Ciências Forenses – 2021, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj). O edital busca estimular projetos de inovação no Campo das Ciências Forenses, e que contribuam no Campo de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro e para a capacidade de investigação criminal com a adoção de inovações baseadas em conhecimento científico.

Pelo Inmetro foram dois projetos: "Estudos em Balística utilizando MEV-EDS: Criação de Banco de Dados de partículas de resíduos de tiro”, liderado pela pesquisadora Renata Carvalho Silva (Diretoria de Metrologia Aplicada às Ciências da Vida), e “Suporte global às análises forenses de Cannabis e Drogas derivadas: garantia de qualidade dos resultados”, do pesquisador Bruno Garrido (Diretoria de Metrologia Científica).

Passaram por rigorosas etapas de avaliação pelo Comitê de Julgamento e regularidade documental. Foram aprovados ao total dez projetos, todos com duração de 24 meses. São três da Universidade Federal Fluminense (UFF); dois da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj); um do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ); um da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio); e um da Fundação Centro Universitário Estadual da Zona Oeste (Uezo). Os recursos concedidos são de R$ 2.392.601,68.

“O objetivo principal é realizar uma investigação sistemática e controlada das características morfológicas e composicionais de partículas oriundas de GSR de diferentes munições da CBC (Companhia Brasileira de Cartuchos) para criação de banco de dados que possam fomentar as investigações criminais”, revelou a servidora Renata Carvalho Silva, à frente de outras pesquisas relacionadas à metrologia forense.

Em sua segunda edição, o edital busca estimular projetos de inovação no campo das Ciências Forenses, que possam contribuir para a Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro.

162 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page